Repertório 451 MHz,

O Recôncavo é um quilombo

Itamar Vieira Junior conversa no 451 MHz, sobre um dos livros mais aguardados do ano, “Salvar o fogo”, logo depois do sucesso de “Torto arado”

21abr2023 - 03h51

Está no ar o 86º episódio do 451 MHz, o podcast da revista dos livros. Autor de um dos livros mais aguardados do ano, Salvar o fogo, Itamar Vieira Junior conversa com Adriana Ferreira Silva e Paulo Werneck sobre o romance que dá sequência ao grande sucesso de Torto arado, o cenário em torno do rio Paraguaçu e suas memórias de família.

Duas vezes por mês, trazemos entrevistas, debates e informações sobre os livros mais legais publicados no Brasil. O 451 MHz tem apoio dos Ouvintes Entusiastas. Seja um você também!

A chama não se apaga


O escritor baiano Itamar Vieira Junior

Um dos principais autores do Brasil da atualidade, Vieira Junior estourou com Torto arado, que abocanhou os principais prêmios literários do país (Oceanos e Jabuti, e antes o LeYa) e vendeu mais de 350 mil cópias. Em seguida, veio a coletânea de contos Doramar ou a odisseia, e agora ele lança um novo romance, Salvar o fogo, que já vendeu mais de 37.500 exemplares só na pré-venda segundo a editora Todavia. O livro conta a história de uma família às margens do rio Paraguaçu, no Recôncavo baiano.

Esta não é a primeira vez que Vieira Junior participa de um episódio do 451 MHz. Em 2021, logo depois de receber os prêmios Jabuti e Oceanos, o escritor participou de um dos episódios campeões de audiência do podcast. Ouça de novo aqui:

O escritor estampará a capa da edição de maio da Quatro Cinco Um, em uma matéria especial escrita pela jornalista paulistana Adriana Ferreira Silva, colaboradora frequente da revista. A edição traz ainda uma resenha de Salvar o fogo, escrita pela crítica literária Ligia Gonçalves Diniz.


A jornalista paulista Adriana Ferreira Silva

Adriana Ferreira Silva já entrevistou Geovani Martins, autor de Sol na cabeça e Via Ápia na Favela da Rocinha; a escritora francesa de origem argelina Fatima Daas, autora de A última filha, entre outros; além da angolana Yara Nakahanda Monteiro, com quem também dividiu o microfone do 65º episódio do 451 MHz, “Olhar feminino, ancestralidade e negritude”.

Mais na Quatro Cinco Um

Itamar Vieira Junior escreve com regularidade na Quatro Cinco Um, sendo a diversidade de suas leituras uma marca das suas colaborações na revista.

Desde as memórias da Nobel de literatura da romena Herta Müller até uma breve história do pensamento africano contemporâneo do historiador Muryatan Barbosa. Também tratou do livro Garota, mulher, outras (indicação do quadro LGBTQIA+ do episódio passado), de Bernardine Evaristo, que se tornou a primeira autora negra a ganhar o Booker Prize.

Grande fã do trabalho de Yukio Mishima, ele colaborou com a seção de literatura japonesa resenhando o livro Vida à venda: “Mishima é das personalidades literárias mais controversas do século 20. No ensaio 'Mishima ou a visão do vazio', Marguerite Yourcenar especula sobre a personalidade enigmática do autor e o considera um representante autêntico do Japão ‘violentamente ocidentalizado’ do pós-Guerra, mas também ‘marcado por suas características imutáveis’, as tradições. Vida e arte, espírito e corpo não encontram espaço para dualidades maniqueístas”.

Em tom mais pessoal e intimista, o autor de Torto arado relata o seu primeiro encontro com Maria do Rosário Pedreira, a poeta, sua editora portuguesa, e com a obra da nova amiga.

O melhor da literatura LGBTQIA+

Marcela Tiboni, autora de Mama: um relato de maternidade homoafetiva, publicado pela Dita Livros em 2019, indica O amor não é óbvio, de Elayne Baeta, publicado pela Galera Record também em 2019.

Estreia da jovem escritora, que publicou o livro aos 22 anos, é um sucesso de vendas voltado para o público juvenil. O amor não é óbvio conta uma história de amor entre duas adolescentes de um jeito leve e sensível, que capta bem os sentimentos confusos dessa época da vida, ainda mais quando são os primeiros passos para uma relação amorosa.

Confira a lista completa de indicações dadas no podcast 451 MHz, no bloco O Melhor da Literatura LGBTQIA+.

Grandes autoras e autores indicam livros marcantes, leituras recentes e outras dicas literárias LGBTQIA+

O 451 MHz é uma produção da Rádio Novelo e da Associação Quatro cinco um.
Apresentação: Paulo Werneck
Coordenação Geral: Évelin Argenta e Paula Scarpin
Produção: Ashiley Calvo
Edição: Évelin Argenta e Gabriela Varella
Produção musical: Guilherme Granado e Mario Cappi
Finalização e mixagem: João Jabace e Luis Rodrigues, da Pipoca Sound
Identidade visual: Quatro Cinco Um
Coordenação digital: Juliana Jaeger e FêCris Vasconcellos
Para falar com a equipe: [email protected].br