Revoar,

(Trans)formando ambientes

Por que somos o país que mais mata transexuais e travestis em todo o mundo?

10set2020 - 09h00

No Brasil, a expectativa de vida de pessoas transexuais e travestis é de 35 anos. O país é o que mais mata essa população em todo o mundo: somente em 2019, 124 pessoas foram assassinadas, de acordo com dossiê da Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra).

Além de serem vítimas da violência, também são marginalizadas, tendo dificuldades de acesso a direitos básicos, como saúde, trabalho e até mesmo educação — já que ambientes escolares contam com grande evasão de trans e travestis. E mesmo quem consegue vencer todas as barreiras e conquistar posições que exigem ensino superior pode, ainda, sofrer discriminação no espaço acadêmico.

O Revoar convida Daiana Monteiro, Juíza no Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, Jaqueline Gomes de Jesus, professora de Psicologia do Instituto Federal do Rio de Janeiro – IFRJ e Pesquisadora-Líder do ODARA — Grupo Interdisciplinar de Pesquisa em Cultura, Identidade e Diversidade (IFRJ), e J.P Polo, secretário executivo adjunto do Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+ e um dos consultores da Txai Consultoria e Educação, para refletir sobre o assunto.

O Revoar é publicado semanalmente, às quinta-feiras pela manhã. A temporada Discriminação e Autoritarismo é apresentada por Natália Neris e Rafael Mafei, com produção da Rádio Novelo. Para falar diretamente com a equipe, escreva para [email protected].

Acompanhe o Revoar também no Instagram.

O podcast é uma produção da Rádio Novelo para o LAUT    
Apresentação: Natália Neris e Rafael Mafei
Coordenação: Paula Scarpin e Vitor Hugo Brandalise
Roteiro: Natália Néris e Rafael Mafei
Tratamento de roteiro: Paula Scarpin e Vitor Hugo Brandalise
Pesquisa: Marcelo Oliveira
Produção: Clara Rellstab
Edição: Claudia Holanda e Mari Romano
Finalização e mixagem: João Jabace
Engenharia de som com o apoio técnico da Som de Cena
Música original: Mari Romano
Identidade visual: Sergio Berkenbrock dos Santos
Distribuição: Bia Ribeiro
Coordenação digital: Karina Oliveira e Kellen Moraes
Para falar com a equipe: [email protected]