Sociologia,

Angela Davis e Silvia Federici participam de seminário em SP

Patricia Hill Collins e Michael Löwy também estarão no Seminário Internacional 'Democracia em Colapso?'

27ago2019 - 19h00

A ativista e escritora norte-americana Angela Davis, a socióloga norte-americana Patricia Hill Collins, a filósofa ítalo-americana Silvia Federici e o filósofo franco-brasileiro Michael Löwy são os principais nomes do Seminário Internacional “Democracia em Colapso?”, que acontece de 15 a 19 de outubro no Sesc Pinheiros. Organizado pela editora Boitempo e o Sesc São Paulo, a quinta edição do evento que ocorre a cada dois anos trará também cerca de cinquenta pesquisadores e pensadores que participarão de um curso de quatro aulas e de um ciclo de doze debates e palestras.

Davis, um dos grandes nomes da luta pelos direitos civis dos afro-americanos nos Estados Unidos dos anos 1960, fará o encerramento do seminário em 19 de outubro. Entre os livros de sua autoria lançados no Brasil estão Mulheres. raça e classe (Boitempo), Mulheres, cultura e política, A liberdade é uma luta constante – todos pela Boitempo –, Estarão as prisões obsoletas? (Bertrand Brasil) e A democracia da abolição (Difel). Ela também participará do lançamento de sua autobiografia, publicada pela Boitempo.

Hill Collins é um dos grandes do feminismo negro, trazendo a experiência de mulheres negras para a formação de seu pensamento. Pensamento feminista negro (Boitempo) é o primeiro livro seu a ser publicado no Brasil.

Federici é conhecida pela obra Calibã e a bruxa: mulheres, corpo e acumulação primitiva (Elefante). Este ano outros dois livros de sua autoria chegam ao Brasil: O ponto zero da revolução: trabalho domestico, reproduçao e luta feminista e Mulheres e caça às bruxas (Boimtepo).

Löwy tem vários livros lançados no Brasil e os temas que aborda em sua obra giram em torno do pensamento marxista. Entre os títulos da sua obra estão O marxismo na América Latina (Expressão Popular), A guerra dos deuses (Vozes), Ecologia e socialismo (Cortez Editora) e A estrela da manhã: surrealismo e marxismo (Boitempo).


A filósofa ítalo-americana Silvia Federici [Divulgação]

A principal preocupação no momento de reunir esses nomes foi “estabelecer uma relação da democracia – suas formas de realização e impasses – com questões candentes ligadas a classes sociais, raça e gênero. Por isso, convidamos diferentes intelectuais e pensadores, com distintas linhas de estudo e atuação, mas todos tendo em comum a defesa da democracia”, conta a editora Ivana Jinkings, da Boitempo.

Segundo ela, os convidados “fazem exatamente essa ponte que queríamos com os movimentos feministas, os movimentos negros, ecossocialistas, de direitos humanos e movimentos sociais com a política mais geral da Boitempo”.

Em sua quinta edição, o seminário acontece em meio a um contexto em que regimes democráticos – tanto no Brasil quanto fora – estão sendo questionados e, por vezes, tomados por governos que apresentam um viés mais autoritário.

Com isso, a ideia do evento “é promover um balanço das diferentes perspectivas que a democracia recebe no contexto nacional e global, considerando a variedade de experiências sociais do fenômeno democrático em variados contextos políticos e sociais. Se “democracia” possui significados diversos para pessoas de gêneros, etnias e classes sociais distintas, na universidade e nas periferias, no Sul e no Norte globais, cabem as perguntas: democracia para que(m)?; a democracia está em colapso?”, continua Jinkings.

A expectativa de público a ser alcançado chega a 500 mil pessoas, contando com público do Teatro Paulo Autran, do Sesc Pinheiros, com capacidade para mil pessoas, para quatro aulas e doze mesas de debates e conferências, e as possíveis visualizações de todas essas atividades, que serão gravadas e disponibilizadas na TV Boitempo, o canal da editora no YouTube, e no site do Sesc e de outros parceiros.

Para participar, as inscrições serão abertas a partir do dia 25 de setembro pelo site do Sesc São Paulo. Mais informações e programação completa em www.democraciaemcolapso.com.br.