A Feira do Livro,

Escritoras do Brasil, venham para a foto!

Depois de São Paulo, mais de vinte cidades também organizam um encontro entre autoras

07jun2022 - 10h34

O convite que começou como “Um grande dia em São Paulo” se espalhou para outras cidades do Brasil e cruzou até o outro lado do Atlântico!

Inspirada pela foto “Um grande dia no Harlem”, de Art Kane, feita em 1958 com grandes jazzistas do período, A Feira do Livro, que acontece entre os dias 8 e 12 de junho, na praça Charles Miller, em frente ao estádio do Pacaembu, em São Paulo, uma realização da Associação Quatro Cinco Um e Maré Produções Culturais, fez um convite às escritoras que estivessem na cidade para registrar uma pequena parte desse vasto e diverso movimento, uma vez que nunca tantas mulheres escreveram e publicaram livros no Brasil.

A foto está marcada para domingo, dia 12 de junho, às 11 horas, na escadaria Patrícia Galvão, no Pacaembu, e todas as escritoras estão convidadas. Quem vai clicar a foto é fotógrafa Mariana Vieira Elek.

Seguindo o exemplo de São Paulo, Alter do Chão (PA), Arcoverde (PE), Belo Horizonte, Boa Vista, Bodocó (PE), Brasília, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Garanhus (PE), Goiânia, Itajaí (SC), Lisboa, Londres, Londrina (PR), Macapá, Manaus, Pelotas (RS), Porto Alegre, Porto Velho, Recife, Rio de Janeiro, Rio Grande (RS), Salvador, São José do Rio Preto (SP), Triunfo (PE), Vitória e Volta Rendonda (RJ) estão organizando movimentos para fazer um registro fotográfico das escritoras que estiverem nessas cidades no próximo fim de semana.

A segunda cidade a aderir ao movimento foi Brasília. A livraria Circulares, junto com Maria Carolina Machado, do projeto #queroteler, está por trás do convite na capital brasileira: domingo, 12 de junho, às 16 horas, na rampa do Museu da República, o flash vai ser realizado por Maíra Ribeiro.

No Rio de Janeiro, a articulação ficou em torno da Janela Livraria e o Clube F, clube de livros feministas da editora Bazar do Tempo, a foto acontecerá também no domingo, às 11 horas, na escadaria do Theatro Municipal, e as autoras das imagens serão Daniela Dacorso e Monica Ramalho.

Em Curitiba, a Amora Livros, um clube de assinatura de livros feitos por mulheres, está chamando as autoras a se reunirem em frente à Biblioteca Pública do Paraná para o registro histórico, que será realizado por Dani Durães, no dia 12 de junho, às 11 horas, mas é preciso chegar com uma hora de antecedência para realização de cadastro.

Londrina (PR) também entrou no movimento, com organização da jornalista e escritora Layse Moraes e as escritoras Samantha Abreu e Karen Debértolis. A foto vai acontecer no domingo, às 11h, na frente da Biblioteca Pública Municipal, capitaneada pela fotógrafa Fernanda Magalhães.

Em Cuiabá, a ideia partiu de conversas do coletivo literário Maria Taquara, que deve fazer a foto no domingo, dia 12, às 9 horas, quando o clima é mais agradável. A foto será feita em frente ao Palácio da Instrução.

Em Macapá, a vontade de fazer a foto foi catapultada de modo independente pela escritora Rute Xavier, que acontecerà às 8h, às maargens do rio Amazonas, para aproveitar a luz do Sol.

Em Salvador, as escritoras Renata Belmonte e Nathalya Cavalcanti, com apoio do coletivo Voa Livros e da Fundação Casa Jorge Amado estão se articulando para fazer a foto acontecer no próximo sábado (11), às 10h, em frente da Fundação Casa Jorge Amado.

Em Porto Alegre, a foto também vai acontecer no sábado (11), às 10h, na Escadaria 24 de Maio (André Rocha), com organização do coletivo Mulherio das Letras e de Beatriz Borges, criadora da Casa da Criatividade Total.

No estado gaúcho, a cidade de Rio Grande está organizando uma foto com as suas escritoras orgnizada pela Zine Marítimas, representada pela escritora Juliana Blasino, no sábado (11), às 14h, no Coreto da Praça Tamandaré (Largo Carmen Silva).

Outra cidade gaúcha que entrou no movimento foi Pelotas, com organização do Coletivo Autores de Pelotas, que acontece no domingo, às 15h, no Largo de Portugal, junto à placa com o nome “Pelotas”. O fotógrafo da ocasião será Laureano Bittencourt.

Já em Boa Vista, a foto vai acontecer no domingo (12), às 16h, na Praça do Coreto, com organização das escritoras Roseane Wapichana e Sony Ferseck.

Em Belo Horizonte, a escritora Cristiana Rodrigues, junto com o apoio da Academia Mineira de Letras, está produzindo a foto a ser realizada no dia 12. O encontro acontecerá na frente da escadaria do Centro Cultural Banco do Brasil (na Praça da Liberdade), que também está apoiando o encontro, às 11h, tendo também uma visita guiada à exposição da escritora Priscila Freire. 

Florianópolis vai ter o encontro feito pela LIvraria Livros & Livros, no dia 12, às 16 horas, na frente da Catedral Metropolitana.

Em Porto Velho, a foto está sendo organizada pelas escritoras Leticia Gomes e Izabela Lima, do coletivo de escritoras Jardim das Evas, e a foto vai acontecer no domingo (12), às 10h, na escadaria da UNIR, no centro, próximo ao Mercado Cultural. O clique vai ser feito pelas fotógrafas Ingrid Brizard e Helena Fernandes.

Em Fortaleza, a iniciativa está sendo organizada pelas escritoras Karine Vasconcelos e Natália Barbosa e vai acontecer no sábado, às 16h, na Praça Verde do Centro Cultural Dragão do Mar. Pede-se que chegue às 15h.

Em Goiânia, a iniciativa está sendo levada pela escritora Larissa Prado.

O movimento em Vitória vai acontecer no dia 12, às 16h, na Escadaria Maria Ortiz e está sendo organizado pela mediadora Taiga B. Scaramussa do clube de leitura Leia Mulheres Vitória.

No estado do Pará, a foto vai acontecer na Vila de Alter do Chão, no domingo, às 14h, em frente ao rio Tapajós, com orfganização de Graziela Brum.

Em Volta Redonda (RJ), o encontro acontece dia 12, às 10h, na frente da Biblioteca Municipal Raul de Leoni, ogrnizada por Elisa Carvalho.

Já em São José do Rio Preto (SP), a fosto histórica acontecerá em frente da Biblioteca Municipal, organizada pela Mari Reis e Priscila Topdjian do coletivo Chama Literária.

Em cima da hora entraram Franca (SP), coordenada por Naiara Alves, com auxílio das escritoras Bárbara Rosa, Soraia Veloso e Perpétua Amorim, para fazer uma foto no domingo, às 11h, na Casa da Cultura e do Artista Francano Abdias do Nascimento. 

Pernambuco entrou em cima, mas veio em peso: Recife, coordenada pela ganhadora do Jabuti Cida Pedrosa e Twila Burdine,a a foto acontece no domingo, às 10h na frente do Teatro de Santa Isabel; em Bodocó, por Malu Siqueira; em Arcoverde, por Alba Challegre, que acontece no dia 12, às 10h, na Estação da Cultura; e em Garanhuns, capitaneada por Klebia Sampaio, Stephany Metodio e Carminha Lins, a foto acontece no domingo, às 10h, na Praça Luiz Jardim.

Itajaí (SC) entrou nos 46 minutos do segundo tempo e reunirá as escritoras no domingo, às 15h, à Biblioteca Pública de Itajaí. A organização é de Gika Voigt.

O sucesso é tanto que o movimento foi até Lisboa, capital de Portugal! O clique será feito no Miradouro da Graça e está sendo organizado por algumas escritoras que residem na cidade, como Mariana Portela, junto com a Livraria Greta e a Sarau Delas. Londres também vai receber um encontro de escritoras brasileiras vivendo na cidade no domingo, às 17h30, em frente ao London Eye (Ticket Quiosque), que está sendo organizado por Nara Vidal, autora de Eva, e Lorena Portela.

Uma observação importante: destacamos que a fotografia desses eventos poderá ser veiculada por meios de comunicação. Deste modo, quem se voluntariar a participar, automaticamente, estará concordando com a utilização da cessão de direito de uso de imagem.

Informações em SP

A foto em São Paulo vai acontecer no domingo, dia 12 de junho, às 11 horas, na escadaria Patrícia Galvão, no Estádio do Pacaembu, durante A Feira do Livro. Pedimos que as autoras cheguem com uma hora de antecedência para realização de cadastro.

Aceitamos todos os gêneros de livros, de ficção a não ficção, poemas, slam, quadrinhos, livros de arte, participação em coletâneas e antologias, revistas literárias, publicações técnicas, zines, teatro, cinema, obras técnicas, entre outros.

É possível trazer uma capa do seu livro ou coletânea em formato impresso ou digital no celular, Kindle ou tablet, pois também será feita uma foto com todas exibindo suas obras. Para o slam, um vídeo com a recitação pode ser mostrado no celular.

Além de São Paulo, outras cidades integraram o nosso movimento: Brasília, Cuiabá, Curitiba, Lisboa, Macapá, Salvador e Rio de Janeiro.

Chame todas as escritoras que você conhece para ficar bem na foto! Compartilhe esse convite! Vamos juntas lotar essa escadaria!