Política,

5 sites para entender a ditadura brasileira

Historiador que participou da Comissão da Verdade do Rio indica páginas que se debruçam sobre a história e a memória do período sombrio de nossa história

01abr2021 - 12h08 | Edição #44

Neste 1º de abril, que marca os 57 anos do Golpe de 1964, o historiador Lucas Pedretti, que fez parte da Comissão Estadual da Verdade do Rio e é pesquisador das políticas de reparação do pós-ditadura no Instituto de Estudos Sociais e Políticos da UERJ, recomenda cinco sites para entender melhor a ditadura que se instaurou no Brasil. Ao lado da jornalista Virginia Siqueira Starling, que prepara uma biografia da estilista Zuzu Angel, Lucas participa do último episódio do 451 MHz, que dedica episódio às vítimas da ditadura brasileira. Ouça agora mesmo.

História da ditadura

Site de divulgação científica, editado por oito historiadoras/es. Conta com uma equipe de mais de setenta pessoas que colaboram periodicamente com o site, composta principalmente por historiadoras/es de todas as regiões do Brasil, que pesquisam a temática da ditadura a partir de vários enfoques e perspectivas. O site coloca no ar quatro textos semanais sobre temas como ditadura brasileira, autoritarismo, ensino de história, dentre outros. Também publica entrevistas em vídeo e promove eventos on-line.

Centro de Referência Memórias Reveladas, do Arquivo Nacional

Criado em 2009, tornou-se a mais importante política pública de recolhimento e disponibilização de acervos da ditadura. É possível pesquisar on-line em seus bancos de dados, que reúnem vários acervos de órgãos de repressão e inteligência do período, tais como o do Serviço Nacional de Informações e do Conselho de Segurança Nacional. 

Memórias da ditadura

Portal mantido pelo Instituto Vladimir Herzog que reúne textos escritos por especialistas, mas com enfoque em uma linguagem acessível e didática. Os artigos abordam diferentes temáticas relacionadas à ditadura e à justiça de transição no Brasil e sempre contam com indicações de materiais complementares, tais como livros, filmes e pesquisas acadêmicas. 

Aparecidas

O Aparecidas – Centro de Referência em Estudos sobre Mulheres na Ditadura Civil-Militar Brasileira é uma iniciativa do Laboratório de Estudos sobre os Usos Políticos do Passado (LUPPA/UFRGS). O site reúne artigos acadêmicos, materiais audiovisuais e sugestões para aulas, sempre sobre a participação das mulheres na resistência à ditadura brasileira. 

Memorial anistia

A iniciativa, mantida pelo Armazém Memória, reúne os acervos digitais de importantes movimentos sociais que lutaram pela anistia no Brasil, como o Comitê Brasileiro pela Anistia e o Movimento Feminino pela Anistia. Contém, ainda, documentos sobre a Comissão de Anistia do Ministério da Justiça. O site reúne também materiais gráficos – como um belíssimo acervo de cartazes da luta pela Anistia – e audiovisuais. A documentação pode ser toda pesquisada on-line.

Matéria publicada na edição impressa #44 em março de 2021.